Você é fã de cachorros grandes e anda pensando em ser tutor de um fila brasileiro? Esse post é para você.

Gigante leal

Conhecido por ser extremamente ligado à família dos tutores e ao mesmo tempo bem avesso à estranhos, como diz a própria descrição oficial da raça, o fila brasileiro é um grande cão de guarda. Esse pet se torna extremamente leal ao tutor e é conhecido por também ter uma grande tolerância com crianças, mas que exige um pulso firme dos tutores desde cedo para controlar o temperamento protetor do cão, ou ele vai se tornar intolerante até mesmo a visitas que chegarem juntos dos tutores.

Características físicas

O fila brasileiro é conhecido por seu corpo retangular e cabeça maciça acompanhada de focinho poderoso. Os machos dessa raça podem chegar aos 75cm de altura e 70kg, sendo uma das maiores raças de cães existe. Sua pelagem é curta e possui uma grande variedade de cores, tanto sólidas quanto de padrão “tigrado”, dentre as quais apenas o branco sólido não é aceita como padrão da raça.

Cuidados

Esse grandalhão precisa de um bom espaço e pelo menos uma hora de passeio por dia e um bom adestramento para ser saudável tanto física quanto mentalmente. A pelagem curta é bem prática de se cuidar, precisando de escovação apenas uma vez por semana e banhos mensais para manter a saúde do pet, que comumente dispensa qualquer tipo de tosa. Falando em banho, o fila requer um bom banho de sol ocasionalmente, para estimular a produção de vitamina D, essencial para a saúde dos ossos do seu cão. Aparar as unhas do seu amigão também é essencial para a saúde e higiene do fila.

Preocupações clínicas

Por ser uma raça de origem mais natural, o fila brasileiro é um cão bastante saudável, porém como a maioria dos cães de grande porte, pode apresentar displasia coxofemoral. Essa condição é hereditária, portanto quando for adotar o seu pet é bom conhecer o histórico dos pais dele. Outra condição que pode acontecer com essa raça é a torção do estômago, que requer intervenção cirúrgica, mas que o simples controle da forma como é oferecida a ração ao seu pet pode contribuir bastante para evitar esse susto.

Um protetor carinhoso

Se você estiver animado em ser o tutor de um fila brasileiro e tiver certeza de conseguir impor limites ao seu lado mais teimoso e protetor, então você vai ter um gigante amoroso que vai acompanhar sua família por 10 a 12 anos.

Comments

comments