Se seu pet estranha quando você se aproxima de outras pessoas, late ou rosna, ou até mesmo te dá patadas e unhadas se sente cheiro de outros animais ou pessoas, esse post é pra você. Descubra o que causa do ciúme animal, por que pode ser sério e como você controla as emoções dos seus pets?

Ciúme animal: Como controlar as emoções dos seus pets?

O ciúme animal pode ser algo bastante sério. Com as pessoas, pode ser sinônimo de agressividade, mordidas e latidos, se o tutor que mais dá atenção interage com outra pessoa na frente do animal. Já com outros animais, pode ser ainda pior e causar brigas entre eles.

É que nossos pets, apesar de domesticados, são bastante territoriais e isso se torna visível em coisas simples como lugar da comida e água, brinquedos, lugar da cama e até atenção do tutor. Os pets sentem que essas coisas estão ameaçadas, e sente ciúmes e medo de não ter mais o que lhe agrada.

Confira algumas dicas para evitar o ciúmes animal:

Se seu cão ou gato sente ciúmes com pessoas, busque não estimular essas atitudes. Especialmente quando há alguém no mesmo ambiente. Se alguma pessoa chega no ambiente onde você está com seu cachorro, por exemplo, dê atenção igualmente para os dois. Ou tente fazer com que interajam, para que o pet entenda que a nova pessoa não é uma ameaça.

Permite que o pet conheça a nova pessoa e que ela dê atenção ao seu pet. Assim ele entende que não está sendo trocado ou substituído e não vai estranhar a pessoa.

Cachorro com ciúmes de bebê

O ciúmes em animais pode ser com pessoas ou outros pets

Mas se seu cão ou gato tem ciúmes de outros animais, o cuidado é outro. Afinal, é fácil explicar a situação para outra pessoa. Mas com outros animais, o cuidado deve ser ainda maior, já que não entendem claramente a situação.

Isso acontece muito quando dividem alimentação, lugar de dormir, brinquedos, ou quando o veem o tutor dando atenção para um e não para o outro.

Nesses momentos, é essencial dar atenção igualmente para os dois e no mesmo momento. Busque colocar o mesmo horário para alimentação para que não disputem comida e água, por exemplo. Se o ciúme é por causa da atenção do tutor, dê atenção ao mesmo tempo e nunca recompense a agressividade do ciumento. Quando isso acontecer, basta ignorar e não dar atenção para nenhum dos pets.

 

Gostou das dicas? Confira aqui outros posts sobre saúde animal

 

Comments

comments