Doação de sangue

Doação de sangue

Sabia que seu pet pode precisar ou ser um doador de sangue? Essa situação que estamos acostumados a ver entre os humanos também acontece com seus peludos. Saiba mais neste post.

Eles também são de carne e osso

Muitas vezes esquecemos que nossos bichinhos podem se meter em acidentes sérios e acabar perdendo bastante sangue, ou sofrer com alguma doença que cause hemorragias e anemia. Nesses casos o pet pode precisar de transfusões de sangue para se recuperar, e o seu animalzinho pode ser o herói de um desses pets enfermos.

É sempre bem-vindo

Não muito diferente da situação dos nossos bancos de sangue, os pets também estão sempre precisando de novos doadores e, por desconhecimento ou receio do sofrimento do seu próprio pet, muitos tutores de pets saudáveis evitam colaborar. Se o tutor escolher um local seguro, confiável e tudo for feito da maneira correta, o pet pode ajudar outros animais necessitados e o único desconforto que vai sentir é a picada da agulha.

Além de ajudar outro peludo que possa estar precisando, seu pet será submetido à uma série de exames, para checar sua saúde. Ou seja, ele faz o bem e ganha alguns exames de graça.

Quem pode doar?

Para ser um doador o pet precisa estar em boas condições de saúde, totalmente desparasitado, não fazer uso de nenhuma medicação, ser adulto (entre 1 e 8 anos) e não estar no cio ou em gestação, no caso das fêmeas. Para cães o peso mínimo é aproximadamente 27kg, enquanto os bichanos precisam ter pelo menos 4kg e preferencialmente o pet deve ter a personalidade mais tranquila, para evitar a aplicação de sedativos.

Como e onde ocorre a doação?

Há poucos locais disponíveis para fazer a doação. Frequentemente os postos ficam em hospitais e universidades veterinárias, o seu veterinário poderá indicar o local mais próximo de você e que seja confiança e bem qualificado para realizar o processo.

Em média serão retirados 16ml de sangue por cada quilo do pet. O processo é simples, rápido e dura apenas alguns minutos, onde será feita a coleta do sangue pela veia jugular e armazenado em bolsas, como na doação que os humanos fazem. Serão feitos testes de compatibilidade entre o sangue doado e o pet receptor e o animal que receberá o sangue é acompanhado por um veterinário para o caso de haver rejeição do sangue ou qualquer outra emergência.

Estendendo uma corrente do bem

Doar sangue é uma atitude simples que pode salvar muitas vidas, tanto de humanos quanto dos pets. É rápido, grátis, não causa danos ao doador e pode fazer toda a diferença para quem precisa.

 

SOS Hospital Veterinário – Banco de Sangue Veterinário ES

(27) 3058-1114 / 3339-0541 / 98806-4423

Comments

comments

By | 2018-11-30T13:18:51+00:00 dezembro 14th, 2018|Cachorro, Cuidados Com Pet, Curiosidades, Doenças, Gato, Plano de Saude, Saude Pet|0 Comments